Como montar uma lancheira saudável para os pequenos

Com a volta às aulas retorna a preocupação de como fornecer uma alimentação de qualidade para os pequenos. Com tanta informação disponível e linhas de atuação tão diferentes, os pais podem ficar inseguros sobre onde buscar indicações confiáveis de alimentos mais saudáveis, atraentes e balanceados para oferecer aos filhos.  Para Sonaira Fonseca, pediatra e coordenadora médica da Central Nacional Unimed, o mais importante é fornecer alimentos de boa qualidade nutricional, evitando-se altos níveis de açúcar, sódio e conservantes.

É importante ter em mente que uma alimentação de qualidade não significa pratos e lanches elaborados e caros. Um começo pode ser substituir os sucos de caixinha pelo natural, por exemplo. A versão industrializada da bebida pode ter até 52% a mais de açúcar que o natural. Acrescentar frutas e verduras ao lanche pode ser outro passo para reduzir alimentos processados nos lanches.

Outro exemplo são os salgados industrializados versus um sanduíche natural preparado com alimentos frescos em casa ou numa lanchonete na hora de ser consumido. Os salgados industrializados costumam ter índice elevado de sódio e gordura trans que podem causar hipertensão, diabetes, problemas cardíacos e neurológicos, entre outros.

Também é fundamental prestar atenção na escolha do tipo de alimento para ser ofertado à criança. Segundo o Ministério da Saúde, o tipo de processamento sofrido pelo alimento interfere em seu sabor e sua qualidade nutricional. Os alimentos in natura são base ideal para uma alimentação balanceada, obtidos de plantas ou animais e adquiridos para consumo sem terem sofrido processamento. Já os alimentos processados devem ser consumidos com parcimônia, pois há a adição de sal, açúcar, óleo ou vinagre, o que os torna desequilibrados nutricionalmente, além de poderem elevar o risco de doenças, como as do coração, obesidade e diabetes. Já os ultraprocessados devem ser evitados, pois são pobres nutricionalmente e ricos em calorias, açúcar, gorduras, sal e aditivos químicos, com sabor realçado e maior prazo de validade.

Mas como diferenciar os alimentos processados e ultraprocessados? Pense na laranja, a fruta em si é o alimento in natura. Quando a transformam em um suco artificial torna-se um alimento processado e seu ultraprocessamento a transforma em suco em pó. Toda essa cadeia produtiva propicia a perda de nutrientes e o aumento da concentração de produtos químicos, principalmente os conservantes e açúcares. Desse modo, o alimento ultraprocessado pode ser entendido como a manipulação extrema do alimento in natura que só é possível através de um processo industrial.

Vale reforçar que não adianta montar uma lancheira balanceada se as crianças tiverem acesso a guloseimas em casa. É preciso manter os bons hábitos e a alimentação saudável dentro de casa.

“Os dados mundiais sobre a obesidade infantil são alarmantes. A Federação Mundial de Obesidade já estima que o número de crianças e adolescentes de 5 a 17 anos acima do peso deve pular de 220 para 268 milhões em menos de uma década. Sendo que 91 milhões dessas serão obesas”, afirma Sonaira.

A obesidade é fator de risco para diversas doenças crônicas, dentre elas a hipertensão e a diabetes, ou seja, impacta diretamente na qualidade de vida e desenvolvimento da criança, por isso a importância de se introduzir bons hábitos desde cedo.

No portal Viver Bem, da Central Nacional Unimed, é possível encontrar algumas receitas com opções de lanches mais saudáveis para oferecer para as crianças na hora do lanche.  Confira:

  1. Espetinho de frutas com molho de iogurte
  2. Pão de queijo vegano
  3. Muffin de cenoura com cacau

 

Veja mais em: https://www.centralnacionalunimed.com.br/viver-bem/alimentacao

 

Proteção solar e hidratação da pele do bebê: cuidados essenciais na estação quente

 Nem todos os pais se dão conta do quanto os dias quentes de verão podem prejudicar a saúde da pele do bebê. O calor intenso somado à alta incidência de raios UV e outras agressões externas, como as causadas pela água da piscina ou do mar, afetam diretamente a pele dos pequenos.

 

Isso porque até os dois anos de idade, a pele das crianças ainda é imatura, incapaz de exercer sua função de barreira protetora - e se defender sozinha contra as agressões externas. Além disso, essa pele vulnerável ainda não consegue reter a umidade, tendo em vista que os mecanismos que regulam a hidratação ainda não estão completamente desenvolvidos.

 

A falta de cuidados prejudica não só a parte superficial da pele, deixando-a ressecada e áspera ao toque, mas também o seu capital celular, que permite a regeneração cutânea por toda a vida. É por isso que uma rotina com uso de produtos como protetor solar e hidratante, é imprescindível para manter a pele do bebê saudável.

 

A Sociedade Brasileira de Dermatologia recomenda o uso de protetor solar em bebês a partir dos 6 meses de idade. Sempre respeitando os horários indicados de exposição ao sol – antes das 10 da manhã e depois das 16 horas. Para este fim, os pais devem eleger itens próprios para a pele delicada do bebê, que associam alta proteção UVA e UVB com ingredientes naturais que reforçam a barreira cutânea e resguardam a pele das agressões provocadas pela radiação.

 

Já a hidratação deve ser feita todos os dias após o banho, independente das altas temperaturas, utilizando cremes específicos para a pele dos bebês e das crianças, que possam ser usados desde o nascimento.

 

A dica é aquecer o produto com a ponta dos dedos e aplicar em todo o corpo do bebê, com delicadeza e atenção para não esquecer regiões menos aparentes, como atrás da orelha e nas dobrinhas das pernas. Além de hidratar, este cuidado fortalece os laços de amor e carinho entre os pais e o bebê, contribuindo para aguçar os sentidos do pequeno.

 

Em seu portfólio, a Mustela® apresenta itens com até 95% de ingredientes naturais que nutrem, hidratam e protegem a pele do bebê contra os raios nocivos do sol e agressões externas. São produtos que atendem as necessidades dos pequenos com pele normal, muito sensível e extremamente seca, com tendência atópica.

 

A primeira marca de Dermo-Bebê do país traz produtos com textura leve, fácil absorção e que oferecem segurança para a utilização desde o nascimento, já que são livres de ingredientes álcool, parabenos, fenoxietanol, corantes e outros conservantes questionáveis. Veja as opções da Mustela® para cuidar da pele dos pequenos nos dias quentes de verão:

 

Hidratação por tipo de pele

 

Pele normal


Mustela® Hydra Bébé  Rosto e Corpo – Com nova formulação, que apresenta 97% de ingredientes naturais, proporciona uma hidratação imediata e duradoura. Contém Óleo de Girassol e Glicerina à base de plantas, Vitamina E e o Perseose de Abacate, que protegem das agressões externas, hidratam e preservam a riqueza celular da pele. 


Pele muito sensível


Mustela® Hidratante Calmante: O produto hidrata a pele do bebê de forma imediata e duradoura. Sem fragrância, sua formulação apresenta até 97% de ingredientes naturais, como o exclusivo Perseose do Abacate®, que protege a barreira cutânea e preserva a riqueza celular da pele, e a Schizandra, que acalma e reduz os sinais de reatividade da pele muito sensível. 

 

 Pele seca com tendência atópica

 

Stelatopia® Creme Emoliente – Creme com textura fluida, que hidrata profundamente, proporcionando suavidade à pele. Acalma e alivia a coceira, além de restaurar a barreira da pele danificada com tendência atópica e fortalecer suas defesas naturais graças ao ativo Perseose de Abacate®. 

 

Stelatopia® Bálsamo Emoliente – Com textura ultrarrica, hidrata profundamente a pele e proporciona uma sensação imediata de conforto à pele extremamente seca. Alivia a coceira, deixando a pele suave. Possui ativos naturais como Óleo Destilados 

 

Proteção solar

Para todos os tipos de pele

 

Mustela® Protetor Solar Infantil Loção FPS 50+ (300ml): oferece alta proteção contra os raios UVA (25PPD) e UVB (FPS + 50) – o que reforça a barreira cutânea e protege a riqueza do capital celular. Possui o melhor custo-benefício por ml dessa categoria: econômico, traz embalagem prática em pump para melhor aplicação. O produto pode ser encontrado nas melhores farmácias do país e e-commerce 

Mustela® Protetor Solar Infantil - Loção para o rosto FPS 50+ (40ml)

O produto pode ser usado a qualquer hora e lugar, já que conta com exclusivo formato que pode ser levado em qualquer tipo de bolsa.  Com embalagem prática e de fácil aplicação auxilia na distribuição de pequenas quantidades do produto para áreas mais delicadas da pele do rosto dos bebês e crianças. Com FPS 50+ e filtros orgânicos hipoalergênicos, a loção apresenta proteção solar de alta tolerância.  

 

 

Mustela® Protetor Solar Infantil para o corpo - FPS 50+ (100ml)

Indicada para proteger o corpo de bebês e crianças, esta loção apresenta elevada tolerância e proteção contra os efeitos nocivos do sol. Possui ingredientes ativos e naturais, como o Perseose de Abacate®, que reforçam a proteção celular contra agressões externas. 

Osteoporose: ossos fortes desde a infância

A osteoporose, doença que faz com que os ossos se tornem mais porosos, menos densos e mais propensos a fraturas, tem sido denominada "doença pediátrica com consequências geriátricas", porque a fase crítica de formação da matriz óssea de um indivíduo ocorre durante toda a infância e dura até o final da puberdade, com pico de massa óssea por volta dos 25 anos (variando conforme o gênero); logo, a massa óssea estabelecida na infância e adolescência é um importante fator mediador da saúde esquelética ao longo da vida. Os hábitos de saúde que as crianças estão formando agora podem fazer, ou literalmente "quebrar", seus ossos à medida que envelhecem.

Segundo Ana Paula Del'Arco, nutricionista e consultora da Associação Brasileira de Laticínios (Viva Lácteos) felizmente, há muitas coisas que as pessoas, em todos os estágios da vida, podem fazer para a manutenção da qualidade dos ossos, especialmente na infância e adolescência, como incorporar na dieta alimentos que são ricos em cálcio e vitamina D, como o leite e produtos lácteos que também fornecem outros minerais e vitaminas necessários ao organismo, além da prática regular de atividade física.

Ossos saudáveis começam na infância

Os ossos crescem e se desenvolvem durante a infância, ganhando massa e força. A massa óssea adquirida enquanto jovens determina a saúde esquelética para o resto da vida. A equação é simples, quanto mais compacta for a massa óssea após o final da adolescência, mais proteção teremos contra a perda de massa óssea depois. "Outros fatores ao longo da vida de uma pessoa podem predispor ao aparecimento da osteoporose, como por exemplo, a interrupção do consumo adequado de cálcio", pontua Ana Paula.

Até aproximadamente os 6 anos de idade (idade pré-escolar), a alimentação de uma criança é caracterizada pela fase láctea, na qual o leite (principal fonte de cálcio da alimentação) é parte fundamental da nutrição. Nesta fase, as crianças estão em pleno desenvolvimento, e qualquer deficiência nutricional pode ser grave e afetar definitivamente o desenvolvimento de algum sistema orgânico.

O consumo de leite e lácteos é muito importante também na adolescência para o desenvolvimento e a consolidação da matriz óssea, garantindo a dureza óssea e o crescimento sadio dos ossos, o que reduz o risco do desenvolvimento da osteoporose e outras doenças ósseas no futuro.

De acordo com Ana Paula, o cálcio presente nos lácteos e seus derivados é o nutriente mais importante para a saúde óssea, contudo outros nutrientes também são fundamentais e participam do processo, tais como a vitamina D, a vitamina K, o fósforo, magnésio, entre outros.

A vitamina D é sintetizada pela luz solar, sendo bastante importante a exposição à luz solar. Contudo, fontes alimentares de vitamina D também podem suprir as necessidades orgânicas. A falta de vitamina D na dieta pode causar raquitismo, uma doença óssea que se caracteriza pelo "amolecimento dos ossos".

A prática de esportes e exercícios físicos para pessoas de todas as idades é também fundamental para a prevenção da osteoporose. O exercício de sustentação de peso durante a adolescência é essencial para atingir a força óssea, tais como caminhar e correr, assim como esportes coletivos como futebol e basquete, todos com orientação de um especialista.

"O leite é um alimento único, com uma matriz nutricional complexa, sendo a relação entre seus nutrientes e componentes capaz de entregar inúmeros benefícios ao organismo, desde contribuir com uma dieta equilibrada e saudável, até auxiliar na prevenção de doenças como osteoporose, eventos cardiovasculares, obesidade, entre outras", finaliza a nutricionista.

EXPOSIÇÃO INÉDITA EM SÃO PAULO CELEBRA OS 90 ANOS DA PRIMEIRA APARIÇÃO DE MICKEY MOUSE

O Ministério da Cidadania e Bradesco Seguros apresentam, de 18 de janeiro a 21 de abril, uma exposição inédita realizada pela Orientavida em comemoração ao nonagésimo aniversário da primeira aparição de Mickey Mouse. Pela primeira vez no Brasil, o personagem mais famoso do mundo terá uma exposição exclusiva em sua homenagem. O evento acontecerá em São Paulo e conta com o apoio da Faber Castell e CVC.

Voltada para todos os públicos e idades, a exposição com mais de 840 metros quadrados celebrará o legado e a história de Mickey Mouse por meio de 12 ambientes imersivos, além de uma loja.

A magia começa em um túnel do tempo com as evoluções do personagem, seguindo para uma réplica dos estúdios de Walt Disney - onde tudo começou - com mesas de luz e flipbooks para o público interagir e entender os princípios da animação. Em seguida, os visitantes encontrarão o barco de Steamboat Willie, curta-metragem que marcou a estreia de Mickey nas telas de cinema, em 18 de novembro de 1928 – marco de sua primeira aparição oficial.

Os visitantes também passarão pela área de A Casa do Mickey Mouse, série de desenho animado do canal Disney Junior, e pelo cenário do Clube do Mickey - primeira série de televisão da Walt Disney Productions lançada em 1955. No clube será possível escrever uma carta de parabéns e enviar para o personagem.
Outra grande atração da mostra é o espaço com uma representação da Câmera Multiplano (Paralax), uma revolução no mundo da animação que foi desenvolvida por Walt Disney, e que trouxe profundidade aos desenhos animados. Esse recurso será apresentado de forma lúdica ao público, para entender o funcionamento dessa inovação tecnológica na animação.
Nos demais ambientes, os visitantes terão acesso a inúmeros cenários lúdicos e interativos como, por exemplo, uma projeção do espetacular show de fogos da Disney, Happily Ever After, e photo opportunity inspirado na Main Street, avenida principal do Magic Kingdom, um dos parques do complexo Walt Disney World Resort, na Flórida.

Ao final, o visitante terá acesso a uma loja com diversas opções de produtos licenciados, incluindo diversas peças de decoração e vestuário feitas à mão pelas artesãs da Orientavida, que também estarão na loja produzindo pelúcias personalizadas para os visitantes. A venda dos produtos Orientavida terá sua renda revertida para a ONG, que tem como missão solucionar a vulnerabilidade de mulheres e famílias de baixa renda por meio de capacitação de mão de obra feminina.

“Exposição Mickey 90 anos”
Local: Shopping JK Iguatemi (Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 2041 - 3o piso - Itaim Bibi, São Paulo)
Data: 18 de janeiro a 21 de abril
Classificação: Livre (Crianças até 12 anos devem estar acompanhada por seus responsáveis)
Os ingressos poderão ser adquiridos na bilheteria ou através do site: ingressorapido.com.br

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO – “Exposição Mickey 90 anos”: Segunda-feira: Somente grupos*
Terça a sexta-feira: 14h às 22h (entrada para última sessão às 21h) Sábado: 10h às 22h (entrada para última sessão às 21h)
Domingo e feriados: 11h às 21h (entrada para última sessão às 20h) *Contato para agendamento de grupos: projetos@orientavida.org.br **As sessões têm duração de 60 minutos

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO DA BILHETERIA:
Segunda* a sexta-feira: 13h30 às 21h
Sábado: 10h às 21h | Domingo e feriados: 11h às 20h
*A exposição não está aberta ao público às segundas-feiras, apenas a bilheteria para compra de ingresso.
**A venda de ingressos para compra no dia vigente poderá ser efetuada apenas na bilheteria no local do evento, sujeito à disponibilidade. No dia vigente, os ingressos não poderão ser adquiridos online.

VALORES DOS INGRESSOS:
De terça a quinta-feira
Ingresso inteira: R$35 | Meia entrada: R$17,50 Sexta-feira, sábado e domingo
Ingresso inteira: R$45 | Meia entrada: R$22,50 Mais informações em: ingressorapido.com.br

Férias longe da meningite meningocócica: 6 informações importantes para você saber e se prevenir da doença

Você sabia que, antes de aproveitar as férias, é importante colocar a caderneta de vacinação em dia? Nesse período, é muito comum frequentar lugares com muitas pessoas, o que pode aumentar a disseminação de doenças infecciosas.1Segundo o Ministério da Saúde, a vacinação é uma das melhores formas de proteção contra diversas doenças sérias, como a meningite meningocócica.3
Essa doença é uma infecção das membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal causada pela bactéria Neisseria meningitidis, podendo deixar sequelas e até mesmo levar a óbito.4 Estima-se a ocorrência de pelo menos 1.2 milhões de casos da doença por ano no mundo, com cerca de 135 mil óbitos.2
Confira seis informações importantes sobre a meningite meningocócica para ajudar você e sua família a ficarem mais protegidos nessas férias.

  1. Por que as pessoas devem se vacinar antes das férias?
Certas atividades realizadas durante as férias, como viajar, participar de eventos e ir a locais com muita gente, podem aumentar a disseminação de doenças infecciosas. Por isso, é importante reservar um tempo durante a preparação das férias para colocar em dia o cartão de vacinação.1

  1. O que é a meningite meningocócica?
Trata-se de uma infecção bacteriana das membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal, podendo causar sequelas e até mesmo levar a óbito.4 Ela é causada pela bactéria Neisseria meningitidis que possui 12 tipos identificados, sendo que cinco deles são os mais comuns (A, B, C, W e Y).4,6

  1. Como a meningite meningocócica é transmitida?
O meningococo, bactéria que causa a meningite meningocócica, pode ser transmitido de uma pessoa para outra por meio do contato direto com gotículas respiratórias através de tosse, espirro e beijo, por exemplo.4
Importante ressaltar que a meningite meningocócica não é uma doença só de criança. Cerca de 10% dos adolescentes e adultos são portadores da bactéria e podem transmití-la mesmo sem adoecer – chamados de portadores assintomáticos.5

  1. Quais são os principais sinais e sintomas?
Os sinais e sintomas iniciais da meningite meningocócica — incluindo febre, irritabilidade, dor de cabeça, perda de apetite, náusea e vômito7 — podem ser confundidos com outras doenças infecciosas.5,7
Na sequência, o paciente pode apresentar pequenas manchas violáceas (arroxeadas) na pele, rigidez na nuca e sensibilidade à luz.5,7
Se não for rapidamente tratado, o quadro pode evoluir para confusão mental, convulsão, sepse e choque, falência múltipla de órgãos e risco de óbito.5,7

  1. Quais são as possíveis complicações da meningite meningocócica?
Mesmo quando a doença é diagnosticada precocemente e o tratamento adequado é iniciado, 8% a 15% dos pacientes vão a óbito, geralmente dentro de 24 a 48 horas após o início dos sintomas.4 
Se não for tratada, a meningite meningocócica é fatal em 50% dos casos e pode resultar em dano cerebral, perda auditiva ou incapacidade em 10% a 20% dos sobreviventes.4

  1. Como se prevenir contra a doença?
A vacinação é uma das melhores formas de prevenção contra a doença.13 Outras formas para a prevenção incluem evitar aglomerações e manter os ambientes ventilados e limpos.8
Atualmente, existem vacinas para a prevenção dos 5 sorogrupos mais comuns no Brasil, a vacina contra a meningite meningocócica causada pelo tipo B e a vacina contra os tipos A, C, W e Y.6,9,10 A vacina para a prevenção do meningococo B está indicada a partir dos 2 meses de idade até os 50 anos, somente disponível na rede privada.9,11
A vacina para a prevenção da doença meningocócica causada pelos tipos A, C, W e Y é recomendada na rede privada a partir dos 3 meses de idade.9,10 Nos postos de saúde, a vacina contra a doença causada pelo meningococo C é gratuita para crianças menores de 5 anos de idade e adolescentes de 11 a 14 anos.9,12

Material dirigido ao público geral. Por favor, consulte o seu médico.

Piracanjuba lança animação em 2D com a turma Pirakids



As aventuras do Piradinho – mascote da linha Pirakids – ganham mais um capítulo. E ele vem em forma de animação, na versão 2D! O novo comercial da linha de leites e bebidas lácteas apresenta o personagem e sua turminha brincando e se divertindo ao ar livre, no balanço, pulando corda, jogando amarelinha, entre outros. A criação é da agência 4barra12 Comunicação.
“A grande bandeira da linha Pirakids é resgatar as brincadeiras de antigamente, fazer as crianças saírem do sofá e dos meios eletrônicos, e se exercitarem. Dessa vez, contamos com uma animação bem colorida e divertida, na linguagem que os pequenos adoram, totalmente inserida no universo dos canais infantis”, explica a Gerente de Marketing da Piracanjuba, Lisiane Campos.
Com gosto e cheiro de infância, a linha Pirakids é rica em vitaminas e minerais que auxiliam na boa nutrição, crescimento saudável e desenvolvimento físico, numa fórmula isenta de gorduras trans e glúten. “Além de nutritivo, é saboroso e dá ainda mais energia para a criançada se divertir” reforça a Gerente.
O comercial já está no ar nas principais redes sociais da marca e será veiculado na TV a partir de domingo, dia 13 de janeiro. Ele será exibido no intervalo do programa The Voice Kids, da Globo, e nos canais infantis Discovery Kids e Cartoon Network.

ESPECIAL FÉRIAS: Pequenos pizzaiolos no Abbraccio: uma opção para as férias da criançada

Restaurante inspirado na Itália ensina os pequenos a preparar a própria pizza ao lado da família e oferece certificado de Piccolino Pizzaiolo

Para deixar as férias escolares ainda mais animadas, o Abbraccio Cucina Italiana promove, entre 7 e 27 de janeiro, o Piccolino Pizzaiolo: uma divertida experiência em que a criançada pode preparar a própria pizza com a família. A brincadeira começa no pedido de uma tradicional Pizza Mozzarella do Menu Piccolo (R$ 20,40), cardápio preparado especialmente para os pequenos. A partir daí, as crianças recebem um avental customizado de chef, a massa, o molho e o recheio para montarem a própria pizza. Depois de finalizada, ela vai pro forno e volta à mesa para que os pequenos possam se deliciar com suas criações. Para completar a brincadeira, o restaurante oferece como cortesia aos mini chefs uma sobremesa para confeitar: o Bambini Sundae traz uma bola de sorvete que pode ser decorada com a calda de chocolate, morangos e confeitos. A aventura gastronômica fica ainda mais divertida com o certificado de Piccolino Pizzaiolo, concedido ao final da experiência. A atividade está disponível de segunda a sexta-feira, a partir das 17h30, e aos sábados, domingos e feriados durante o horário de funcionamento, em todas as unidades do Abbraccio no Brasil. A pizza do menu infantil já inclui refrigerante, Iced Tea (ambos com refil) ou um suco de fruta (440ml – sem refil).

ESPECIAL FÉRIAS: Mi Casa abre suas portas para as férias da criançada

Que tal nove dias de atividades e diversão para as crianças nas férias? Com início no dia 14 de janeiro e encerramento em 24 de janeiro (fim de semana não incluso), o espaço infantil Mi Casa, localizado em Pinheiros, preparou uma programação que fará a alegria da criançada e também dos pais.
Para o público de dois a seis anos (menores de dois anos acompanhados dos pais são bem-vindos), atividades bilíngues planejadas por educadores e profissionais especializados nessa faixa etária. Gincanas, oficinas de arte, esporte, musicalização, contação de histórias e muitas surpresas não vão faltar!
Com duas opções de horários, manhã e integral, sendo o meio período das 8h às 12h, e integral das 8h às 15h, com almoço e lanches saudáveis preparados diariamente com muita dedicação e carinho pela equipe do Mi Casa.

Onde:
Espaço MiCasa – Rua Joaquim Antunes, 48 – Jardim Paulistano

Quando:
De 14 a 18 de janeiro – manhã – integral
De 21 a 24 de janeiro – manhã – integral

Horários:
Manhã: das 8h às 12h
Integral: das 8h às 15h

Valores:
Semana 14 a 18 de janeiro
Meio período: R$ 599 por semana, com lanche*
Integral: R$ 699 por semana, com almoço e lanche*
Semana 21 a 24 de janeiro
Meio período: R$ 479 por semana, com lanche*
Integral: R$ 579 por semana, com almoço e lanche*
*Almoços e lanches saudáveis com bebidas e frutas inclusas, preparados diariamente, e com muito carinho pela equipe do Mi Casa. 

Diárias
Meio período: R$ 139
Integral: R$ 239
*Desconto de 5% à vista, para irmãos, indicações e participantes da temporada 2018! (não cumulativo)
Parcelamento em até 3x sem juros.

Taxas:
Almoço à parte: R$ 20 (criança), R$ 39 (adulto)
Atraso na saída: R$ 50 (tolerância de 15 minutos
)
Inscrições & Informações: ferias@micasasp.com.br
VAGAS LIMITADAS

ESPECIAL FÉRIAS: momento importante para atualizar a caderneta de vacinação das crianças e adolescentes

Férias escolares, viagens, família reunida e festas de fim de ano. Além de todas essas comemorações e momentos de lazer, é importante aproveitar o período para cuidar da saúde também. Certas atividades, como participar de eventos e ir a locais com muita gente, podem aumentar a disseminação de doenças infecciosas.1 Por isso, é importante que os pais reservem um tempo durante as férias para colocar em dia o cartão de vacinação das crianças.2

Mesmo que a família não esteja com viagem programada, é importante que as crianças e adolescentes estejam com as vacinas recomendadas em dia para reduzir chances de contrair e disseminar doenças.1,4 “O cartão de vacinação é um documento importante e deve ser mantido atualizado. Durante o período de férias há um aumento do fluxo de viajantes pelo mundo, o que pode acarretar em introdução ou reintrodução de doenças que já se encontravam sob controle no Brasil. Um exemplo disso é a entrada do vírus do sarampo, que tem produzido centenas de casos na região norte do país. Para evitar transtornos, a carteira de vacinação deve ser verificada e atualizada com antecedência, pois alguns países exigem vacinas específicas”, afirma o Dr. Jessé Alves, gerente médico de vacinas da GSK.

A imunização é uma das melhores formas de proteção contra doenças sérias como meningite, poliomielite, catapora e pneumonia, que podem até levar a óbito, especialmente crianças pequenas.3,4 Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a vacinação em massa evita entre 2 a 3 milhões de mortes por ano e é responsável pela erradicação de doenças.8As vacinas reduzem o risco de infecção, estimulando as defesas naturais do corpo, ajudando-o a desenvolver a imunidade à doença.3

O Ministério da Saúde orienta a vacinação das crianças de acordo com o calendário do Programa Nacional de Imunizações (PNI) e todas as vacinas recomendadas no PNI estão disponíveis gratuitamente nos postos de saúde pelo Sistema Único de Saúde (SUS).4,5

Já a Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm) e a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) possuem calendários de vacinação com recomendações que complementam o PNI, abrangendo também vacinas que atualmente só estão disponíveis na rede privada para a imunização das crianças e jovens. 6,7,15

Uma das doenças graves que pode ser prevenida por vacinação é a meningite meningocócica. Trata-se de uma infecção bacteriana das membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal, podendo causar sequelas e até mesmo levar a óbito.9 Ela é causada pela bactéria Neisseria meningitidis que possui 12 sorogrupos identificados, sendo que cinco deles são os mais comuns (A, B, C, W e Y).9,10

A vacinação é a principal forma de prevenção da doença.10,11 Outras formas de prevenção são evitar aglomerações e manter os ambientes ventilados e limpos.11

Atualmente, existem vacinas para a prevenção dos 5 sorogrupos mais comuns no Brasil, a vacina contra a meningite meningocócica causada pelo sorogrupo B e a vacina contra os sorogrupos A, C e W e Y.6,7,10 A vacina para a prevenção do meningococo B está indicada a partir dos 2 meses de idade até os 50 anos, somente disponível na rede privada.6,13

A vacina para prevenção da doença meningocócica causada pelos sorogrupos A, C, W e Y é indicada para crianças a partir dos 2 meses de idade, adolescentes e adultos, também disponível apenas na rede privada.6,12 Nos postos de saúde, a vacina contra a doença causada pelo meningococo C é gratuita para crianças menores de 5 anos de idade e adolescentes de 11 a 14 anos.5,6

Importante ressaltar que a meningite meningocócica não é uma doença só de criança e cerca de 10% dos adolescentes e adultos são portadores da bactéria, mas não desenvolvem a doença.9,14 Apesar disso, podem transmitir a outras pessoas através da saliva e partículas respiratórias.9

Por isso, a vacinação é um recurso importante para a prevenção das doenças infecciosas em crianças, adolescentes e adultos.5,11

ESPECIAL FÉRIAS: Shopping Pátio Higienópolis Cria o Jardim dos Unicórnios, com Cenários, Brincadeiras, Histórias e Entretenimento para Crianças

Segundo a mitologia, os unicórnios são símbolo de força e pureza e representados pelo corpo de um cavalo branco com cabeça com chifre único ao centro, enroscado e comprido.  Seus  poderes seriam capazes de afastar desgraças e malefícios
A partir de 18 de janeiro, sexta-feira, as crianças poderão descobrir este e outros mistérios  do mundo dos unicórnios, ao visitarem  o Jardim dos Unicórnios, instalado no Shopping Pátio Higienópolis, numa área com aproximadamente 230 metros quadrados  do Vão Central.  São cinco estações de brincadeiras percorridas com integração de recursos de tecnologia sensorial e de presença, cenários imersivos e narrativas. Recomendado para crianças a partir de 4 anos, o  percurso pode ser completado em  até 30  minutos.  A atração é gratuita e a participação é por ordem de chegada.
As estações são História de UnicórniosPoço dos DesejosDentro do Chifre do UnicórnioEspaço Arco-íris Estúdio de Foto. Ao atravessarem o portão da estação História dos Unicórnio (primeira parada do percurso),  as crianças chegam a um jardim de cogumelos e pufes coloridos, onde, sentados, ouvem histórias, com narração em off, de lendas sobre os unicórnios.  Na Estação Poço dos Desejos, as crianças são convidadas a jogarem almofadas, como se fossem moedas, num poço com tecnologia sensorial – quando o sensor detecta a almofada,  ouve-se um áudio . Feito o desejo, a criança entra Dentro do Chifre do Unicórnio e brinca com o tapete  interativo.  No Espaço Arco-íris, as crianças brincam de desenhar, numa lousa em formato de mesa, elementos que remetem à história do unicórnios, como a nuvem com pingos de chuva. E, por fim, o Estúdio de Fotos, onde as crianças se preparam para uma selfie para lá de sofisticada: no estúdio, as crianças vestem uma fantasia e acessórios de Unicórnios; um Espelho Mágico revela o seu nome unicórnio, com base na sua imagem refletida e é gerada uma foto ,que poderá ser enviada por e-mail. A curadoria  e execução do projeto é Ydreams Global.
ServiçoJardim do Unicórnios, Shopping Pátio Higienópolis, Vão Central (Piso Veiga Filho)
18 de janeiro a 17 de fevereiro de 2019De segunda a sábado, das 11 às 20 horas. Domingos e feriados, entre 14 e 20 horas.Gratuito (sujeito à fila de espera; entrada por ordem de chegada)
Recomendado para crianças de04 a 10 anos de idade.  Menores de 4 anos devem ser acompanhados por pais ou responsáveis.  Os adultos também têm acesso ao Jardim dos Unicórnios.